terça-feira, 25 de julho de 2017

Cutelaria - Parte 3: Pontas de Lâminas 1



Olá! Graça e paz!

Continuando a série “Cutelaria”, eu apresento á vocês quatro tipos de pontas que encontramos nas lâminas.


Introdução
Por anos de minha vida, achei que faca era “tudo igual” e que qualquer ponta servia para quaisquer atividades a serem desempenhadas. Ledo engano de minha parte!

Os formatos das facas, bem como as pontas das mesmas, as fazem diferenciarem-se não apenas na estética, mas na funcionalidade. Com relação aos formatos, deixo isso para outra oportunidade, porém eu trago para todos vocês, leitores, alguns formatos de pontas bem como para o que servem.


Os Tipos
Esses são os tipos de pontas que apresentaremos nesse artigo:

Drop Point


Exemplo de Drop Point

As lâminas com esse tipo de ponta (drop point) são boas para praticamente todas as demandas que podem existir. É comumente encontrado em facas de sobrevivência, mas também é vista na maioria dos canivetes suíços.

As lâminas do tipo drop point são boas para atividades que envolvam o coureamento e a perfuração de animais. Isso acontece pelo formato da ponta, que favorece uma maior manobrabilidade enquanto a lâmina penetra a carne e os órgãos internos dos animais.


American Tanto Point


Exemplo de American Tanto Point

O American Tanto Point, também chamado de Tanto Point ou Chisel Point (chisel em inglês significa “formão”), essa ponta (por conta do formato) é perfeita para perfuração de objetos duros (como por exemplo kevlar).

Exatamente por causa de sua característica perfurante, lâminas com essa ponta são super indicadas para atividades que envolvam segurança, além de ações militares.


Needle Point

Exemplo de Needle Point

Como o próprio formato sugere, o Needle Point (needle significa “agulha” em inglês) é excelente para perfuração, pois o seu desenho (além de simetria em ambos os gumes) permite um ótimo desempenho nessa função. Porém há um problema nesse formato de ponta de lâmina: por conta da fina espessura, o Needle Point quebra com alguma facilidade após repetidos usos.

A melhor utilidade para uma lâmina tipo Needle Point, é para a auto-defesa, pois facas, canivetes, adagas e punhais com essa ponta, costumam serem péssimas para corte.


Clip Point

Exemplo de Clip Point

O Clip Point (também conhecido aqui no Brasil como “ponta/formato turco”) é praticamente a única ponta encontrada nas famosas (e muito mal faladas) Facas de Sobrevivência, mais conhecidas como “a Faca do Rambo”.

A utilidade dessa ponta de lâmina é simplesmente, para um melhor aproveitamento em atividades de campo (outdoor) onde se exige responsabilidade e seriedade no que se está fazendo, como por exemplo a caça e a sobrevivência no mato (o clip point também é muito bom para cortes de laceração que exijam precisão sem perder a força).


Finalizando
Bom, por enquanto é isso! Apresentei esses quatro primeiros formatos de pontas de lâminas e na continuação desse artigo, irei falar dos outros tipos!

Fiquem com Deus e até mais!


Outros artigos da Série, Cutelaria:

Cutelaria - Uma Introdução

Cutelaria - Parte 1: Tipos de Aço

Cutelaria – Parte 2: Tipos de Lâminas

Nenhum comentário: